Polícia prende acusada de matar grávida no último domingo (22)

homicida

Além dela, polícia deteve adolescente de 17 anos que teria ajudado a matar.

As duas mulheres suspeitas de assassinar a facadas Bruna Souza da Silva, 22 anos, foram presas ontem. O homicídio ocorreu na noite do último domingo (22) em Icoaraci. A vítima estava grávida de seis meses quando foi morta, sem qualquer chance de defesa. As acusadas são Iris Larissa Ledo Carvalho, 26 anos, e uma adolescente de 17 anos. A motivação foi a cobrança de uma dívida. Cansadas de serem cobradas, as mulheres decidiram matar a vítima.

Iris afirma que se tivesse mais uma chance "mataria de novo".  O ódio da acusada pela vítima nasceu após a cobrança de uma dívida, que ela afirma ser de apenas R$ 20. "Eu comprei droga dela. Eu falei o tempo todo que ia pagar, mas ela ia lá me cobrar. Essa vadia mereceu. Eu mataria de novo se pudesse", diz a acusada.

A mulher revela sem qualquer remorso como matou a vítima. "Ela foi em casa para cobrar. Estava muito louca depois da droga. E já estava com muita raiva porque ela não me deixava em paz. Foram 20 facadas. A desgraçada demorou para morrer. Por isso precisei furar ela muitas vezes. Eu não sabia que ela estava grávida. Mas não me arrependo não, ela mereceu", afirma Iris, que ainda está coma mãos feridas com a faca usada no crime, por causa da violência com que atingiu a vítima em cada golpe feito com a faca de cozinha. 

A acusada inocenta a namorada, uma adolescente de apenas 17 anos de idade, com quem vivia na casa, onde o crime ocorreu. No entanto, para a equipe da Divisão de Homicídios de Icoaraci - que comandou as investigações sobre o caso - a adolescente foi quem segurou Bruna, enquanto Iris desferiu os golpes com a faca. Não houve qualquer chance de defesa da mulher que estava grávida de seis meses. 

A prisão das duas acusadas foi feita pela Polícia Militar ontem de manhã no Distrito de Outeiro. Elas estavam escondidas na casa de parentes. 

O crime ocorreu na tarde do último domingo, mas o corpo só foi identificado dentro da casa das acusadas, durante à noite, quando as suspeitas já tinha escapado. Bruna Souza da Silva, 22 anos, estava gravida de seis meses. A vítima vendia drogas e foi cobrar a dívida na casa das acusadas. O imóvel está localizado na passagem Sol Nascente, entre Augusto Montenegro, e 8 de Maio, no Distrito de Icoaraci.

 

Fonte: ORM

Mais Acessadas

  • Ordem
  • Título
  • Popular

ASSALTO FRUSTRADO ACABA ...

O Delegado da Polícia Civil no ...

Delegação de Tracuateua ...

A cidade de Igarapé-Açu, no ...

É Campeão: Xadrez de ...

O aluno-atleta Marcelo Santana da ...

BRAGANÇA: Promotoria já ...

O Ministério Público do Estado ...

Após quase dois anos de ...

Esteve no banco dos réus ...

ÁREA DE DESMATAMENTO É ...

A Secretaria Municipal de Meio ...

10ª Conferência ...

O Conselho Municipal de Saúde de ...

1ª Plenária Municipal de ...

Acontece em em Tracuateua no dia ...

21 de março - Dia ...

Dentre os 365 dias do ano, o ...

A BANANA E OS 10 ...

COMA 1 BANANA TODOS OS DIAS - E EM ...

ADEPARÁ ALERTA PARA FOCO ...

A Agência de Defesa Agropecuária ...

Alerta ao câncer de ...

Alerta ao câncer de cabeça e ...

Has no connect to show!

pizaria mix ANUN Copy

AM CREDITOS

am Copy

Usuários Online

Temos 142 visitantes e Nenhum membro online

Curta nossa página

logo jt rodap

Nosso Endereço

  • Rua Benedito Padilha, AP-04 - Centro - Tracuateua - PA CEP: 68647-000 - Brasil
  • Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
  • (91) 98468-3055 / 98416-6497

Anuncie Aqui

Usuários Online

Temos 142 visitantes e Nenhum membro online